COMUNICAÇÃO

RODELAS – Unidade Móvel da Defensoria chega à cidade no Dia da Mulher e mais de 70% dos casos atendidos foram de mulheres

08/03/2018 14:56 | Por Ingrid Carmo DRT/BA 2499

Exames de DNA e orientação jurídica sobre os mais diversos casos foram alguns dos serviços oferecidos durante o dia em Rodelas

“Precisamos encorajar mais mulheres a mudar o mundo”. É com esta ideia que a Defensoria Pública do Estado da Bahia – DPE/BA pauta suas ações neste 8 de março, Dia Internacional da Mulher. E as mulheres representaram mais de 70% dos 153 atendimentos registrados pela Unidade Móvel da Instituição, que hoje está, até às 16h, na cidade de Rodelas, no norte do Estado.

Antes de mudar o mundo, é preciso mudar a si mesmo. E a dona de casa Ana Lúcia das Mercês, 47 anos, foi em busca da grande mudança da sua vida. “Eu era ‘junta’ há 29 anos e tem um mês que resolvi sair de casa, apenas com a roupa do corpo, por não aguentar mais sofrer e ser humilhada. Dediquei minha vida inteira a ele e agora acontece isso”, desabafou a dona de casa, que foi em busca de orientação jurídica para saber  seus direitos após a separação.

Já a pescadora Solange Ferreira da Silva, 27 anos, também foi em busca dos direitos dos quatro filhos, cujos pais não estão cumprindo os acordos feitos para pagamento da pensão alimentícia. “Eu só quero o direito dos meus filhos. Eles vão viver de quê, se não tem nada dentro de casa? Os pais precisam cumprir com a obrigação, pois ter um filho e cuidar não é só papel da mãe”, contou a pescadora, que está grávida do quinto filho.

Além de orientação jurídica e resolução extrajudicial dos mais diversos casos, os exames de DNA também fizeram parte dos serviços prestados pela Unidade Móvel em Rodelas. Em um deles, a decisão de fazer o exame partiu da lavradora Juracy Aldeida da Conceição, 46 anos, suposta avó da pequena A.S.T., de 11 meses, que nasceu quinze dias antes da morte do seu suposto pai. “Eu sinto que ela é minha neta e filha do meu filho e este exame vai provar isso”, garantiu a lavradora.

Novo coordenador

Além do novo coordenador da Unidade Móvel, Marcus Vinícius Lopes de Almeida, que assumiu esta função há um mês, esta edição da itinerância contou com a atuação da subcoordenadora da Especializada Criminal e de Execução Penal da DPE/BA, Fabíola Pacheco, dos defensores públicos Ariana Sousa e Manuel Portela Júnior e dos servidores de Salvador. “Foi um dia muito produtivo e que teve um toque especial pelo Dia da Mulher. Mais de 70% do público atendido foi de mulheres que vieram saber os seus direitos e lutar por eles”, ressaltou o coordenador.

Amanhã, 9 de março, a Unidade Móvel estará na cidade de Abaré, que fica a mais de 50 quilômetros de Rodelas. O atendimento será realizado na Avenida Edésio Tolentino, no centro da cidade, das 8 às 12h e das 13h30 às 16h.